Espiritismo

https://blogoliviaespirita.blogspot.com.br/2016/08/espiritismo-tem-dogmas-o-espiritismo.html



http://www.institutoandreluiz.org/espiritismo.html



O QUE É ESPIRITISMO?



É o conjunto de princípios e leis, revelados pelos Espíritos Superiores, contidos nas obras de Allan Kardec que constituem a Codificação Espírita:



O Livro dos Espíritos,

O Livro dos Médiuns,

O Evangelho segundo o Espiritismo,

O Céu e o Inferno e A Gênese.



“O Espiritismo é uma ciência que trata da natureza, origem e destino dos Espíritos, bem como de suas relações com o mundo corporal.”



Allan Kardec (O que é o Espiritismo – Preâmbulo)



“O Espiritismo realiza o que Jesus disse do Consolador prometido:

conhecimento das coisas, fazendo que o homem saiba donde vem, para onde vai e por que está na Terra; atrai para os verdadeiros princípios da lei de Deus e consola pela fé e pela esperança.”



Allan Kardec (O Evangelho segundo o Espiritismo

– cap. VI – 4).



O QUE REVELA:

Revela conceitos novos e mais aprofundados a respeito de Deus, do Universo, dos Homens, dos Espíritos e das Leis que regem a vida.
Revela, ainda, o que somos, de onde viemos, para onde vamos, qual o objetivo da nossa existência e qual a razão da dor e do sofrimento.




SUA ABRANGÊNCIA:
Trazendo conceitos novos sobre o homem e tudo o que o cerca, o Espiritismo toca em todas as áreas do conhecimento, das atividades e do comportamento humanos, abrindo uma nova era para a regeneração da Humanidade.
Pode e deve ser estudado, analisado e praticado em todos os aspectos fundamentais da vida, tais como: científico, filosófico, religioso, ético, moral, educacional, social.




SEUS ENSINOS FUNDAMENTAIS:
Deus é a inteligência suprema, causa primeira de todas as coisas. é eterno, imutável, imaterial, único, onipotente, soberanamente justo e bom.




O Universo é criação de Deus. Abrange todos os seres racionais e irracionais, animados e inanimados, materiais e imateriais.



Além do mundo corporal, habitação dos Espíritos encarnados, que são os homens, existe o mundo espiritual, habitação dos Espíritos desencarnados.



No Universo há outros mundos habitados, com seres de diferentes graus de evolução: iguais, mais evoluídos e menos evoluídos que os homens.
Todas as leis da Natureza são leis divinas, pois que Deus é o seu autor.




Abrangem tanto as leis físicas como as leis morais.
O homem é um Espírito encarnado em um corpo material.




O perispírito é o corpo semimaterial que une o Espírito ao corpo material.



Os Espíritos são os seres inteligentes da criação. Constituem o mundo dos Espíritos, que preexiste e sobrevive a tudo.
Os Espíritos são criados simples e ignorantes. Evoluem, intelectual e moralmente, passando de uma ordem inferior para outra mais elevada, até a perfeição, onde gozam de inalterável felicidade.




Os Espíritos preservam sua individualidade, antes, durante e depois de cada encarnação.
Os Espíritos reencarnam tantas vezes quantas forem necessárias ao seu próprio aprimoramento.
Os Espíritos evoluem sempre. Em suas múltiplas existências corpóreas podem estacionar, mas nunca regridem. A rapidez do seu progresso intelectual e moral depende dos esforços que façam para chegar à perfeição.


Os Espíritos pertencem a diferentes ordens, conforme o grau de perfeição que tenham alcançado: Espíritos Puros, que atingiram a perfeição máxima;

Bons Espíritos, nos quais o desejo do bem é o que predomina;

Espíritos Imperfeitos, caracterizados pela ignorância, pelo desejo do mal e pelas paixões inferiores.
As relações dos Espíritos com os homens são constantes e sempre existiram.


Os bons Espíritos nos atraem para o bem, sustentam-nos nas provas da vida e nos ajudam a suportá-las com coragem e resignação.

Os imperfeitos nos induzem ao erro.



Jesus é o guia e modelo para toda a Humanidade.



E a Doutrina que ensinou e exemplificou é a expressão mais pura da Lei de Deus.

A moral do Cristo, contida no Evangelho, é o roteiro para a evolução segura de todos os homens, e a sua prática é a solução para todos os problemas humanos e o objetivo a ser atingido pela Humanidade.

O homem tem o livre-arbítrio para agir, mas responde pelas conseqüências de suas ações.
A vida futura reserva aos homens penas e gozos compatíveis com o procedimento de respeito ou não à Lei de Deus.




A prece é um ato de adoração a Deus. Está na lei natural e é o resultado de um sentimento inato no homem, assim como é inata a idéia da existência do Criador.
A prece torna melhor o homem. Aquele que ora com fervor e confiança se faz mais forte contra as tentações do mal e Deus lhe envia bons Espíritos para assisti-lo. é este um socorro que jamais se lhe recusa, quando pedido com sinceridade.




(Fonte: FEB e SobreSites)






Pesquisar este blog

Rádio Bom Espírito

Rádio Bom Espírito
24 horas por dia uma programação exclusivamente espírita para todos vocês.

Arquivo do blog

Role a barra

ROLE A BARRA PARA VER TODAS AS PUBLICAÇÕES


Tradutor Google

BEM VINDOS À ÊSSE BLOG

BEM VINDOS À ESSE BLOG


Kardec diz:


"Conhece-se o verdadeiro espíríta pela sua transformação moral e pelo esforço que emprega para domar suas más inclinações"


Seja Bem Vindo!



"Para mim, as diferentes religiões são lindas flores, provenientes do mesmo jardim.

Ou são ramos da mesma árvore majestosa.
Portanto, são todas verdadeiras."

Mahatma Gandhi








segunda-feira, 7 de maio de 2012

DANDO A VIDA POR AMOR


Textoextraido do site: (momento.com.br)

        A paisagem era triste e desoladora... O luto e a dor davam notícias da devastação que a guerra propiciara...

        Os gritos de horror se faziam ouvir nas almas dilaceradas daqueles que a morte não arrebatara...

        Aquelas pessoas estavam ali como adornos vivos do quadro de miséria e fome que restara da Segunda Grande Guerra...

        Entre os sobreviventes havia uma mãe buscando, desesperadamente, saciar a fome do filho querido.

        O pequenino sugava o seio materno em vão, pois o leite já havia acabado há muito, por falta de alimentação da mãe.

        As horas se escoavam e a solução não chegava...

        A fome do filho amado se fazia ouvir nas profundezas da alma, no choro de agonia...

        Aquela mãe sentia a vida se extinguir como uma vela que se apaga lentamente...

        E porque o seu amor era maior que a própria existência, tomou de uma lâmina e cortou a veia do braço para saciar com o próprio sangue a fome do filho querido.

        Na medida em que o filho sugava, com voracidade, o alimento, os braços maternos iam perdendo as forças, e em poucos dias, aquela mãe se despedia da vida física, deixando o fruto do seu amor na face da Terra.

        O socorro chegou e fez com que o esforço daquela mãe não fosse em vão...

        O filho cresceu e pôde, durante toda a existência, homenagear a heroína que dera a vida para salvar a sua.
* * *
        Quantas são as mães que dão a vida pelos seus filhos...

        Quantas sentem as forças se esvaindo dia a dia, para que os filhos cresçam fortes e saudáveis, esquecidas de si mesmas...

        Quantas heroínas anônimas existem sobre a face da Terra!

        São mães sofridas, que passam dias e noites vigiando o filho enfermo, destilando gotas do mais profundo afeto para que o filho sobreviva...

        São mães que amargam a dor de um filho delinqüente...

        Mães que oferecem o seio descarnado e vazio para que o filho não morra de fome, alimentando-o com a força do amor sublime que emana das profundezas da alma.

        Mães que disfarçam os sulcos das agonias suportadas com um sorriso nos lábios, agradecendo a oportunidade de serem co-criadoras com Deus.

        Ser mãe é ofertar-se por inteiro para que os filhos de Deus nasçam e cresçam em direção à Luz Divina.
* * *
        Se a criança é o futuro, como todos afirmamos, no coração das mães repousa, indubitavelmente, a sementeira de todos os bens e de todos os males do porvir.

Redação do Momento Espírita, utilizando pensamento extraído do verbete Mãe, do livro Dicionário da alma, por Espíritos diversos, psicografia de Francisco Cândido Xavier, ed. Feb.
Em 02.05.2008.

sábado, 5 de maio de 2012

Universalidade Espírita: O BOM PASTOR

Universalidade Espírita: O BOM PASTOR: Texto do site:( momento.com.br ) Era uma vez um casal de ateus que tinha uma filha menor.Os pais, por não acreditarem em Deus, nem em...

O BOM PASTOR




Texto do site:( momento.com.br )

Era uma vez um casal de ateus que tinha uma filha menor.Os pais, por não acreditarem em Deus, nem em Jesus, jamais falaram sobre o assunto com a menina.Ela nunca havia visto nem ouvido nada que se referisse ao Sublime Galileu, o Bom Pastor.Numa noite de temporal, um raio caiu sobre a casa e fulminou os pais, diante dos olhos assustados da pequena, que tinha seis anos de idade.A menina não tinha nenhum parente ou amigo que a acolhesse e, por isso, foi encaminhada para a adoção. Em pouco tempo ela ganhou um novo lar.Sua mãe adotiva, por ser cristã dedicada, levou-a ao templo religioso para que a mocinha conhecesse as Leis de Deus e ouvisse falar de Jesus de Nazaré, o Mestre que veio à Terra para ensinar o caminho que conduz ao Pai.Antes de entregar a criança à evangelizadora, a mãe teve o cuidado de explicar que a menina jamais havia escutado falar de Jesus e que ela, por favor, tivesse paciência.O Natal estava próximo e, justo naquele dia, a aula seria sobre Jesus.A moça, após receber todas as crianças com muito carinho e fazer a prece inicial, projetou uma imagem de Jesus na tela e perguntou a todos:Alguém sabe quem é esta figura?A menina foi a primeira a levantar o braço e falar com alegria:Eu sei, eu sei, tia. Este é o homem que estava segurando na minha mão na noite em que meus pais morreram...
* *
 Jesus é o Amigo Invisível que nos sustenta nas horas mais difíceis da jornada.Como Bom Pastor, Ele conhece e vela por todas as Suas ovelhas, independente de credo ou religião.Estrela de primeira grandeza, pode abarcar com Seu olhar de luz toda a Humanidade e balsamizar com Seu amor as dores mais cruéis.Divino Amigo, está sempre atento aos apelos mais secretos vindos de corações dilacerados.Médico das almas, socorre aos primeiros gemidos, todos aqueles que O buscam com sinceridade.Irmão Maior, sabe entender e tolerar a rebeldia dos irmãos menores.Mestre por excelência, não Se cansa de ensinar as lições nobres que nos libertarão da ignorância e nos conduzirão a mundos celestes, nas muitas moradas da casa do Pai, que Ele mesmo está preparando para todos nós.Companheiro dedicado, nunca abandona Seus irmãos matriculados na escola de redenção que se chama Terra.Alma abnegada, ama sem discriminar e perdoa sempre. Compreende a pequenez humana e releva as fraquezas dela decorrentes.Jesus é o farol sempre aceso a nortear os caminhos, do qual estamos a apenas uma oração de distância. 
 * *
O amor de Jesus por Seus irmãos da Terra é tão grande que O fez sofrer a cruz injusta...
Tolerar a dor...
Relevar o desprezo...
Dialogar com os presunçosos...
Ensinar os interessados...
Compreender os equivocados...
E, por fim, colocar-Se como Bom Pastor dizendo:Tende bom ânimo! Eu estou aqui. Nunca estareis a sós.

Redação do Momento Espírita.
Em 15.10.2010.

Contato

Fique à vontade para escrever mensagens, opinando e criticando. Tudo com muito critério, responsabilidade e respeito. Para entrar em contato, basta fazer seu comentário no campo "Mural de Recados"

Cadastre seu e-mail para receber nossas postagens

Mural de Recados

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações de página

Google Apps for Work

Page-level ads

Google+ Followers